HOME DIOCESE CLERO SERVIÇOS DOWNLOADS CNBB STA SÉ / VATICANO CONTATO
(19) 3441-5329 | contato@diocesedelimeira.org.br     

Solenidade de Santa Maria, Mãe de Deus

“Quando se completou o tempo previsto, Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher”  (Gl 4,4)

 

Leituras: Números 6, 22-27; Salmo 67 (66), 2-3.5-6.8 (R/cf. 2a); Carta de São Paulo aos Gálatas 4, 4-7; Lucas 2, 16-21.

COR LITÚRGICA: BRANCA OU DOURADA

Animador: Dentro da oitava de natal, celebramos a solenidade de “Santa Maria, Mãe de Deus”. Somos impulsionados a contemplar o Príncipe da Paz, o Autor da Vida, que veio até nós e pela nossa salvação através da virgindade fecunda de Maria, Mãe do Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem.

Oração do Dia: Senhor nosso Deus, que, pela virgindade fecunda de Maria Santíssima, destes aos homens a salvação eterna, fazei-nos sentir a intercessão daquela que nos trouxe o Autor da vida, Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

T.: Amém.

1. Situando-nos brevemente

Celebrando a oitava do Natal, somos convidados a contemplar o mistério da natureza divina de Jesus, bem como reconhecer em Maria, a Maternidade Divina do Salvador. Esta celebração é fruto da proclamação do dogma Theotokos, do Concílio de Éfeso, no ano 431. Mais do que celebrar propriamente Maria, estamos reunidos para celebrar o filho de Maria, verdadeiro Deus e verdadeiro Homem, lembrado justamente por seu nome que significa “Deus salva”.

Aquela que deu à luz o Autor da Vida, continua a nos apresentar como outrora no Templo, a vida divina como oferta de salvação a todo o gênero humano. Maria é considerada a mãe de cada ser humano nascido para a vida de Deus, e mãe de todos.

Celebramos o Dia Mundial da Paz que é fruto de nossa participação na vida de Cristo, o Príncipe da Paz, nascido de Maria. Esta paz que tanto necessitamos e almejamos é um dom messiânico e que merece nossa total atenção para que se torne realidade em nosso meio. Como lembra São João XXIII, a verdade, a justiça, o amor e a liberdade são os quatro pilares da casa da paz, aos quais necessitamos começar a fomentar em nossa sociedade.

Com o início deste novo ano, renovamos nossos votos de esperança, uma vez que recebemos o Autor de nossa salvação por meio do sim precioso de Maria, a Mãe de Deus e nossa. Que seja possível vencer todas as desavenças, rancores, ódios, guerras, que insistem em perdurar dentro de cada um de nós e com nossos semelhantes. Que a paz, que é dom do Cristo, seja abundante em nossa vida e na vida daqueles que mais necessitam.

2. Recordando a Palavra

Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção! Com o salmo 67 (66), podemos iniciar este ano suplicando de Deus a bênção de que tanto necessitamos, a paz que tanto almejamos, e que para nós têm um nome: Jesus, pois “Deus salva”. É Ele a segurança da bênção de Deus sobre nossa vida!

Iniciamos o ano com Maria, mãe de Jesus, aquela que conservou cuidadosamente todos os acontecimentos de salvação em seu coração, meditando-os. Os pastores vão visitar o recém-nascido na gruta de Belém e contam tudo o que ouviram do Anjo sobre ele. Todos ficam maravilhados! Os pastores retornam glorificando e louvando a Deus por causa do que vira e ouviram.

No oitavo dia, levaram o Menino para circuncidar e lhe deram o nome de Jesus, conforme o anjo o chamou antes de ser concebido no seio de Maria. O nome hebraico que Ele recebe é Yehoshuá que significa ‘Deus salva’. A circuncisão é sinal da promessa, da aliança, e tornou-se Lei para Israel: “... minha aliança estará marcada na carne como aliança perpétua” (Gn 17,13b). É o rito mediante o qual o menino começava a fazer parte do povo eleito. Jesus nasce sob a lei, mas não é a Lei que salva; seu nome diz quem é o Salvador.

Para o povo israelita e todo povo semita a bênção têm força para produzir a salvação. Em Números 6 Deus fala a Moisés que transmita as palavras de bênção a Aarão e seus filhos. E eles são encarregados de abençoar os filhos de Israel. Essa missão passa aos sacerdotes que abençoavam o povo na festa do Ano Novo (Yom Kipur), invocando três vezes o nome do Senhor. A bênção se fundamenta na crença da força e eficácia da Palavra, presença contínua de Deus na caminhada, como bênção que proporciona a vida em plenitude.

Na Carta aos Gálatas, Paulo indica em que consiste a graça e a bênção de Deus: em sermos chamados de filhos e filhas de Deus e partir do mistério da encarnação. Pois a maior bênção de Deus Pai dada à humanidade é seu Filho Jesus, nascido de Maria, na plenitude do tempo messiânico, coroamento da esperança longamente aguardada pelo povo.

3. Atualizando a Palavra

Ao celebrar a festa da Mãe de Deus, ouvimos a Palavra de Deus que anuncia nossa filiação divina, nos manda abençoar todo o povo e aprender dos pobres que encontram na simplicidade de Maria, José e o recém-nascido, a Salvação vinda de Deus.

A solenidade de Maria Santíssima, Mãe de Deus, encerra a semana celebrativa da solenidade do Natal e, em muitas partes do mundo assinala também o início do Ano Novo. Os textos bíblicos e as orações oferecem a oportunidade para considerar, ainda uma vez, a identidade do Menino de quem estamos celebrando o nascimento. Ele é o verdadeiro Deus e verdadeiro Homem. O antigo título de Theotokos (Mãe de Deus) ratifica a natureza, tanto humana quanto divina, de Cristo. Ele é também o nosso salvador (Jesus, o nome que recebe na circuncisão, mas que lhe foi dado pelo anjo antes da concepção). Ele nos salva a partir do momento que nasceu sob a Lei e nos redime através do Seu sangue derramado.

O rito da circuncisão celebra o ingresso de Jesus na aliança e preanuncia “o sangue da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos para a remissão dos pecados”. Também o papel de Maria na obra da salvação é tema central desta liturgia, seja em relação a Cristo, que d’Ela recebeu a natureza humana, seja com os membros do seu corpo: é a Mãe da Igreja que intercede por nós.

A celebração do Ano Novo oferece a oportunidade para dar graças pelas bênçãos recebidas no ano que termina e rezar a fim de que no ano que nos espera, possamos, como Maria, colaborar com Deus, na incessante missão de Cristo. (Cf. CONGREGAÇÃO PARA O CUILTO DIVINO E A DISCIPLINA DOS SACRAMENTOS. Diretório Homilético. Brasília: Edições CNBB, 2015, n.124)

Com as bênçãos de Deus a e proteção da Virgem Maria, Mãe de Deus e nossa, possamos percorrer os dias e meses do Ano Novo, animados pela misericórdia que nos descortina os horizontes do muno novo que sonhamos ter parte.

4. Ligando a Palavra com a ação Eucarística

Com esta celebração eucarística somos impulsionados por Deus a encontrarmos nele a plenitude daquilo que suplicamos, a Paz! O Pai nos oferece a salvação em Jesus Salvador e nós assumimos o cultivo da Paz em nossa realidade marcada por violência, conflitos e guerras.

Com Maria, Mãe de Deus, damos graças ao Pai que nos cumula de bênçãos duradouras em seu Filho, Deus humanizado e, por nós, morto e ressuscitado.

Participamos do mistério de sua manifestação, oferecendo-nos com Ele ao Pai, comungando de seu corpo e de seu sangue e abrindo-nos à ação solidária com nossos irmãos e irmãs, sobretudo mais os mais pobres, os pastores de hoje.

Que se realizem em nós e na Igreja, a oração sobre as oferendas desse dia: “Ó Deus, que levais à perfeição os vossos dons, concedei aos vossos filhos, na festa da Mãe de Deus, que, alegrando-se com as primícias da vossa graça, possam alcançar a sua plenitude”.

PRECES DOS FIÉIS

Presidente: Apresentemos a Deus nossos pedidos, na certeza de podermos contar com a liberalidade de sua paz:

Todos: Abençoai-nos, Senhor!

1. Pela Santa Igreja de Deus, para que estando sempre atenta aos desígnios do amor de Deus que vem do Cristo, possa ser no mundo testemunha da verdadeira paz, peçamos.

2. Pelos que governam as nações, para que neste novo ano que se inicia, possam estar atentos a todas as realidades que necessitam da paz, e priorizem os pobres, que são os prediletos do Senhor, peçamos.

3. Por todos os que sofrem com a ausência da paz, que é o fruto da justiça, para que alcancem, pela misericórdia de Deus, tudo o que for necessário à sua salvação, peçamos.

4. Por nossa comunidade aqui reunida, para que disponível à novidade do Evangelho nestas celebrações da encarnação do Verbo de Deus, seja no mundo instrumento da paz que brota do Cristo, peçamos.

Presidente: Pai de bondade, princípio eterno dos nossos breves dias, ouvi as nossas súplicas, afastai de nós todo mal, confirmai nossos bons propósitos, libertai-nos das amarras do passado e das incertezas do futuro, ajudai-nos a caminhar cada vez mais pelo plano do vosso amor, por Cristo, nosso Senhor.

Todos: Amém.

LITURGIA EUCARÍSTICA

ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS:

Presidente: Ó Deus, que levais à perfeição os vossos dons, concedei aos vossos filhos, na festa da Mãe de Deus, que, alegrando-se com as primícias da vossa graça, possam alcançar a sua plenitude. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos: Amém.

ORAÇÃO PÓS-COMUNHÃO:

Presidente: Ó Deus de bondade, cheios de júbilo, recebemos os sacramentos celestes; concedei que eles nos conduzam à vida eterna, a nós que proclamamos a Virgem Maria, Mãe de Deus e Mãe da Igreja. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos: Amém.

RITOS FINAIS:

Com.: Procuremos encaminhar cada vez mais todas as pessoas para uma verdadeira devoção a Nossa Senhora. Tenhamos a certeza que, quanto mais perto estivermos d’Ela, mais junto de Jesus Cristo nos encontramos.

Benção final: Própria de N. Senhora.

Agenda do Bispo para fevereiro/2019

01/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Israel, às 19h30, na Paróquia Santo Expedito, em Limeira, SP.

02/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Sérgio, às 19h00, na Paróquia Bom Jesus, em Leme, SP.

03/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Alquermes, às 19h00, na Paróquia Imaculado Coração de Maria, Limeira, SP.

07/02 – Reunião do Conselho Episcopal, às 09h00, em Limeira, SP.  Missa e Posse de pároco, Pe. Marcelo Fagundes, às 19h30, na Paróquia Bom Jesus, em Americana, SP.

08/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Diego Rodrigo, às 19h30, na Paróquia São Sebastião, em Limeira, SP.

09/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Fabio, às 19h00, na Paróquia São Francisco de Assis, em Pirassununga, SP.

10/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Diego Fernando, às 8h, na Paróquia Imaculada Conceição, em Santa Cruz da Conceição, SP.

10/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Ricardo, às 19h00, na Paróquia Santa Luzia, em Limeira, SP.

13/02 – Reunião da Sub-Região, às 09h00, no CDL, em Limeira, SP.

14/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Robert, às 19h30, na Paróquia N. Sra. de Fátima, em Araras, SP.

15/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Murilo Vendite, às 19h30, na Paróquia São Sebastião, em Leme, SP.

16/02 – Missa e Posse de pároco, Pe. Gilson, às 17h00, na Paróquia N. Sra. Auxiliadora, em Americana, SP.

17/02 – Missa e Posse de Pároco, Pe. Tiago Moreira, às 08h00, na Paróquia São Benedito, em Cosmópolis, SP.

17/02 -  Missa e Posse de pároco, Pe. Danilo Rodrigues, às 19h00, na Paróquia São Jerônimo, em Americana, SP.

20/02 – Missa e posse de administrador paroquial, Pe. Luis Casemiro, às 19h30, na Quase-paróquia Santo Amaro, em Nova Odessa, SP.

21/02 – Conselho de Presbíteros – Região Norte, no Santuário Sr. Bom Jesus dos Aflitos, em Pirassununga, SP. Missa e posse pároco, Pe. Nilson, às 19h30, na Paróquia Santa Rita de Cássia, em Pirassununga, SP.

22/02 – Reunião da Pascom, às 08h30, em Limeira, SP. Missa e posse do administrador paroquial, Pe. Thiago da Cruz, às 19h30, na Quase-paróquia Santa Rita de Cássia, Americana, SP.

23/02 – Missa e posse de pároco, Pe. Ciro, às 18h30, na Paróquia São Benedito, Limeira, SP.

24/02 – Missa e posse de pároco, Pe. Marcos Theodoro, às 08h30, na Paróquia São Marcos, em Limeira, SP.

24/02 – Missa e posse de administrador paroquial, Pe. Osmar, 19h00, na Quase-paróquia São Pedro, em Pirassununga, SP.

27/02 – Missa e posse de administrador paroquial, Pe. Cassio, às 19h30, na Quase-paróquia Santa Teresinha, em Nova Odessa, SP.

28/02 – Missa e posse de pároco, Pe. Jonathan, às 19h30, na Paróquia São Benedito, em Americana, SP.

Conheça o Bispo
HOME
 
DIOCESE
Conselhos e Comissões
Centro Diocesano de Limeira (CDL)
Bens Culturais
 
CLERO
 
SERVIÇOS
Secretariado de Pastoral
Rádios
Links Uteis
+ Economato
 
 
CNBB
 
STA SÉ / VATICANO
 
CONTATO
© 2016 Todos os direitos reservados
Diocese de Limeira